CARLOS FLOR VICENTE

Lisboa, 1982, Carlos Flor Vicente, filho da Pedra. Licenciado em Arquitectura pela Universidade Lusíada

de Lisboa onde desenvolveu o Mestrado sobre a obra de Carlo Scarpa a partir da leitura de Maurice Merleau-Ponty, reflexão que continua no Doutoramento inserido no Centro de Investigação em Território, Arquitectura e Design (CITAD). Passou pela docência como professor auxiliar e convidado do Professor Doutor Alcino Bapstista Ferreira no Instituto Superior de Educação e Ciências - ISEC - e na Academia

da Força Aérea - AFA. Desenvolve desde 2006 projecto em atelier próprio, mas é a vivência quotidiana numa Oficina de Cantaria à Antiga Portuguesa, Alfredo Antunes Flor, que lhe permite continuar

a alimentar o sonho de união da Arquitectura, Artes e Ofícios como lugar-comum. Fundou o empedra® e CIAM [E] Centro de Investigação Artístico do Material [e Espaço].